REGULAMENTO

CAMPEONATO DE FÓRMULA TRUCK

AV RACE / LPVW BRASIL

 

“Regulamento Desportivo”

 

Artigo 1º – Da Inscrição e Participação

 

1.1 Inscrição

1.1.1 – As inscrições deverão ser feitas dentro do prazo definido pela organização, mediante envio de dados solicitados pela mesma.

1.1.2 – Depois de divulgado oficialmente o período de inscrições, os interessados terão até 15 (quinze) dias para se inscreverem, ficando optativa pela organização, a prorrogação do prazo de inscrição.

1.1.3 – Caso haja um número de inscrições acima do número de vagas disponíveis, haverá a possibilidade dos demais participarem caso ocorra alguma desistência.

1.1.4 – A relação oficial dos inscritos, contendo as equipes e respectivas duplas, será divulgada nos meios de comunicação da AV RACE / LPVW BRASIL, após confirmação dos dados.

 

1.2 Participação

1.2.1 – Poderão participar do campeonato os membros cadastrados da AV RACE / LPVW BRASIL.

1.2.2 – Será disponibilizado um limite inicial de 30 (trinta) vagas, ficando facultativo à organização do campeonato, aumentar o número de vagas.

1.2.3 – Os participantes irão formar equipes, conforme item 2.1.1 do artigo 2º.

1.2.4 – Não será permitida a troca de equipe por parte dos pilotos.

1.2.5 – A equipe poderá alterar o seu nome, desde que comunicado a organização e em seguida autorizado.

 

Artigo 2º – Das Equipes/Pilotos, provas, ajustes e auxílios

 

2.1 Equipes/pilotos

2.1.1 – Serão formadas equipes de no máximo 2 (dois) pilotos.

2.1.2 – Depois de formadas as equipes, as mesmas poderão escolher seus nomes livremente, desde que não adotem termos impróprios.

2.1.3 – Cada equipe deverá definir os caminhões e números que irão utilizar durante o campeonato seguindo tabela de numeração disponível na página oficial da liga, ficando proibidas de os trocarem no decorrer do mesmo.

2.1.4 – Uma mesma equipe poderá ter caminhões de marca/modelo igual ou caminhões de marca/modelo diferentes.

2.1.5 – As equipes poderão utilizar SKINS diferentes e ou iguais, este último com alguns detalhes de cor modificados que diferenciem seus pilotos na pista

2.1.6 – Caso alguma equipe queira mencionar em seu nome a marca de uma montadora a mesma deverá correr com caminhões correspondentes a marca mencionada ex: Ford Marlboro Racing, Scania Original Team, Iveco Racing Santander e etc.

2.1.7 – São proibidas quaisquer propagandas de outra liga e qualquer assunto relacionado à pornografia, política e religião. As pinturas que conterem algumas destas informações serão excluídas e não entrará no carset.

2.1.8 – O download das TEMPLATES a serem modificadas pelas equipes/pilotos será disponibilizado no site oficial e no grupo do facebook e devem seguir na integra o formato de personalização proposto pela organização da liga/categoria.

2.1.9 – A equipe/piloto que não cumprir o prazo de entrega das SKINS terá de escolher dentro de um “PACK PADRÃO disponibilizado junto ao carset oficial para poder participar do campeonato.

 

2.2 Prova

2.2.1 – Abertura oficial: 22h45min (horário de Brasília) com treino classificatório.

2.2.2 – Clima: Randômico (Aleatório)

2.2.3 – Sem treino oficial.

2.2.4 – Treino Classificatório: 15 Minutos – Direito a 1 (um) volta lançada por piloto.

2.2.5 – Corrida: Realizada por voltas, onde o número de voltas varia de acordo com a pista.

 

2.3 Ajustes

2.3.1 – Modificações de setup liberado.

 

2.4 Auxílios

2.4.1 – Embreagem automática: Habilitada.

2.4.2 – ABS: Baixo habilitado

2.4.3 – Controle de Tração: nível 3 habilitado (Ajustável)

2.4.4 – Câmera: Todas liberadas

2.4.5 – Nível de danos: 100%

 

Artigo 3º – Treino livre, briefing e treino classificatório

 

3.1 – Treino Livre

3.1.1 – Devido ao calendário apertado e com provas da liga ocorrendo simultaneamente, o servidor ficará aberto 24 horas por dia, somente sendo fechado no momento de realização de outros eventos da liga.

3.1.2 – O servidor estará aberto para treinos livres até as 22h00min do dia da realização da corrida.

3.1.3 – Permitido o uso do CHAT.

3.1.4 – Permitido o uso do ESC.

 

3.2 – Briefing

3.2.1 – A reunião de briefing acontecerá via Teamspeak3: avrace.no-ip.info e será realizada às 22:30h (horário de Brasília), após a reunião de briefing será liberada a senha de acesso ao servidor da corrida.

3.2.2 – Em ambiente de briefing todos os competidores devem manter se atentos as orientações da organização da prova/campeonato, evitando desordem, barulhos, assuntos não correspondentes a categoria e principalmente a falta de respeito para com o próximo.

 

3.3 – Treino Classificatório

3.3.1 – O treino classificatório terá início às 22h45min.

3.3.2 – Inicialmente temos 30 vagas no grid de classificação, mas pedimos a todos os inscritos no campeonato que participem do BRIEFING DE PILOTOS mesmo que sejam mais de 30, pois caso algum dos demais não apareça, poderá haver encaixe para participar do qualy.

3.3.3 – O treino classificatório terá duração de 15 (quinze) minutos.

3.3.4 – O servidor será configurado para um número fixo de 3 (três) voltas permitidas durante todo o treino classificatório por piloto, sendo: 1 (uma) volta de aquecimento (saindo dos boxes para abrir volta), 1 (uma) volta cronometrada (valendo tempo) e 1 (uma) volta de retorno ao box. Ao concluir a volta cronometrada o piloto deverá apertar a tecla ESC para voltar aos boxes e não atrapalhar os demais.

3.3.5 – Todos os pilotos deverão respeitar a presença um do outro na pista e no Pit Lane (box), visualizando sempre o mapa da pista, localizado ao lado esquerdo do monitor, dando passagem, quando possível, para um piloto mais rápido que esteja em volta cronometrada.

3.3.6 – Ficam proibidas manobras ou colisões intencionais, a fim de atrapalhar o andamento do treino ou voltas dos demais participantes, sob pena de largar dos boxes ou ser desclassificado da etapa em andamento.

3.3.7 – Cada participante deverá ficar atento ao número de voltas limite, pois caso o mesmo ultrapasse o limite definido, corre o riso de ser desclassificado da etapa.

3.3.8 – O treino classificatório será encerrado ao término dos 15 (quinze) minutos definidos, independente se os pilotos tiverem ou não completado suas voltas permitidas.

3.3.9 – Se por acaso algum piloto cair do servidor no momento da classificação e este ainda conseguir retornar antes do início da corrida, o mesmo não poderá mais ir à pista, tendo que aguardar o encerramento do treino dos boxes.

3.3.10 – Permitido o uso do ESC (somente até está seção).

3.3.11 – O limite de velocidade no PIT LANE, dentro das linhas demarcadas na entrada e saída, deverá ser respeitado, sendo recomendado, mas não obrigatório, transitar em 2ª (segunda) marcha, a fim de evitar colisões e eventuais penalidades, atentando para o devido cuidado com o motor.

3.3.12 – A senha para utilização dos servidores será transmitida via e-mail a todos os participantes do campeonato.

3.3.13 – O piloto que passar a senha a pessoas não inscritas no campeonato perderá o direito de realizar a classificação da etapa correspondente.

3.3.14 – O piloto que marcar a POLE POSITION ganhará 1 (um) ponto extra.

 

Artigo 4º – Da Corrida

 

4.1 – A corrida terá início às 23h00min.

4.2 – Será realizada por voltas com média de 100 km a ser percorrido no total. O número de voltas varia de acordo com a pista (ver calendário em: https://avrace.wordpress.com/campeonato-f-truck-c1-2015/calendario/

4.3 – A mesma terá início com os participantes que estiverem no grid, com exceção daquele que for largar dos boxes, quando este tiver sido penalizado, ou se algum piloto realmente queira largar dos boxes.

4.4 – A largada será lançada, em fila dupla, com volta de apresentação atrás do pace truck e com os dois primeiros pilotos do grid respeitando o limite de 100 Km/h e acelerando após o sinal de Bandeira Verde.

4.5 – Pit Stop: Não obrigatório.

4.6 – O piloto que irá largar dos boxes, deverá se posicionar na saída do mesmo, obedecendo à sinalização presente, saindo apenas quando o sinal aparecer verde.

4.7 – A largada poderá ser reiniciada a critério da comissão, em virtudes de eventuais problemas com o servidor.

4.8 – O piloto que causar colisões excessivas prejudicando outros participantes poderá sofrer punições.

4.9 – Será considerado o VENCEDOR DA CORRIDA aquele que ao término da prova, cruzar a linha de chegada em primeiro ou se todos os demais pilotos abandonarem a prova antes do término, desde que este tenha completado no mínimo 75% da prova.

4.10 – O piloto que largar, mas não terminar a prova ganhará 6 (seis) pontos.

4.11 – Considera-se terminar a prova se a participação na mesma for igual ou acima de 75% do total de voltas do vencedor da prova ou mesmo que não ocorra 75%, o piloto cruze a bandeirada final da prova.

4.12 – Ao término da corrida o piloto que fizer a VOLTA MAIS RÁPIDA ganhará 1 (um) ponto extra.

4.13 – A corrida terá duração (a ser definido pela organização do evento conforme calendário de provas).

4.14 – Em caso de disputa por posição, o piloto que estiver à frente poderá defender sua posição, porém não poderá fazer mudanças bruscas de um lado para outro na pista, ou seja, fechando o piloto que está atrás, sob o risco de ser penalizado.

4.15 – Durante a corrida, caso ocorra algum acidente individual, ou seja, envolvendo um único piloto este será responsável, pela condução do caminhão até os boxes, comunicando a comissão, se possível, sobre o ocorrido. Não havendo a possibilidade de retorno aos boxes, por problemas no veículo, este deverá se retirar imediatamente da pista.

4.16 – Se um caminhão apresentar problemas, e vier a ficar lento na pista, caso o piloto consiga conduzir o veículo até os boxes, o mesmo deverá se posicionar fora do traçado dos demais veículos.

4.17 – Deve-se tomar cuidados principalmente nas frenagens.

 

Artigo 5º – Das Penalidades, “HVP”, punições e reclamações.

 

5.1 Penalidades

5.1.1 – As penalidades de “desclassificação da etapa”, “suspensão de 1 (uma) corrida” e acréscimo de tempo poderão ser aplicadas após a corrida, mas não necessariamente logo após o término.

5.1.2 – Para a penalidade de “Drive Through”, o piloto ficará a cargo do próprio simulador e deverá ficar atento ao cumprimento do mesmo. Caso contrário, poderá ser desclassificado.

5.1.3 – Após as provas, é de responsabilidade do participante, enviar vídeo ou e-mail de reclamação para que a comissão análise o replay da corrida, a fim de observar as ocorrências e aplicar as devidas punições quando necessário.

5.1.4 – A Organização só aplicará punição(ões) ao(s) envolvido(s) mediante reclamação do prejudicado e desde que o mesmo envie vídeo ou e-mail da ocorrência.

5.1.5 – Após o termino de cada corrida, poderá ainda haver diálogo entre a comissão e os pilotos, mas não necessariamente após o fim da corrida.

 

5.2 – “HVP” (Habilitação Virtual de Pilotos)

Todos os pilotos participantes do campeonato da AV RACE / LPVW BRASIL terão o “HVP” (Habilitação Virtual de Pilotos) onde infringir mais que 40 pontos no campeonato disputado acarretarão na suspensão do piloto na corrida seguinte há obtenção dos pontos do mesmo.

 

5.3 Punições

As punições poderão variar de acordo com a gravidade (leve, média, alta e grave) e que podem ir desde uma advertência, largar dos boxes, pit stop obrigatório, penalidade Drive-through, acréscimo de pontos na HVP, acréscimo de tempo por ocorrência, desclassificação da etapa e até suspensão de 1 (uma) corrida.

 

Observação 1: O piloto que se beneficiar em uma ultrapassagem utilizando algum dos itens abaixo descritos, mas que devolver imediatamente à posição receberá apenas o “Acréscimo de pontos na HVP”.

 

Observação 2: O piloto que cometer alguma das infrações listas abaixo, mas que venha abandonar à prova por qualquer motivo, terá como punição o “Acréscimo de pontos na HVP”.

 

Observação 3: O piloto que concluir a prova independente de ter completado ou não o mínimo de 75% da mesma, terá como punição,  acréscimo de tempo por ocorrência no tempo total da prova e o “Acréscimo de pontos na HVP”.

 

Observação 4: O piloto que vir à ser punido com “acréscimo de tempo por ocorrência”, será realocado em uma nova tabela de tempo total da prova e com pontuação correspondente, mediante análise da organização.

 

Observação 5: Caso algum piloto sofra “conection lost” e acabe colidindo com outro piloto ou que prejudique o andamento da prova, terá como punição o “Acréscimo de pontos na HVP”.

 

5.3.1 – Punição Leve (10 segundos de acréscimo por ocorrência)

5.3.1.1 – Utilizar (buzina) e ou (Chat) durante a prova:

+ Acréscimo de 2 pontos na “HVP”.

5.3.1.2 – Não respeitar a linha de saída dos boxes:

+ Acréscimo de 2 pontos na “HVP”.

5.3.1.3 – Dificultar ultrapassagens quando retardatário:

+ Acréscimo de 2 pontos na “HVP”.

5.3.1.4 – Manter se no meio da reta principal ou oposta impossibilitando emparelhamento do adversário:

+ Acréscimo de 2 pontos na “HVP”.

5.3.1.5 – Toques excessivos ao disputar posição:

+ Acréscimo de 3 pontos na “HVP”.

5.3.1.6 – Mudar de traçado ao defender posição mais de 1 (uma) vez:

+ Acréscimo de 3 pontos na “HVP”.

5.3.1.7 – Escapar e voltar para pista atrapalhando outros pilotos:

+ Acréscimo de 3 pontos na “HVP”.

5.3.1.8 – Sofrer “conection lost” e colidir com outro piloto ou que prejudique o andamento da prova:

+ Acréscimo de 3 pontos na “HVP”.

 

5.3.2 – Punição Média (20 segundos de acréscimo por ocorrência)

5.3.2.1 – Toques traseiros excessivos:

+ Acréscimo de 4 pontos na “HVP”.

5.3.2.2 – Empurrar piloto da frente para ganhar posição:

+ Acréscimo de 4 pontos na “HVP”.

5.3.2.3 – Cortar caminho fora do traçado da pista para obter vantagem em ganho de tempo ou de posição:

+ Perda de 4 posições ao final da prova.

5.3.2.4 – Escapar e voltar para pista de forma perigosa colocando em risco e ou atrapalhando outros pilotos:

+ Acréscimo de 4 pontos na “HVP”.

5.3.2.5 – Não deixar espaço para o colega em pista, em disputa, causando acidente:

+ Acréscimo de 4 pontos na “HVP”.

5.3.2.6 – Dividir curva espalhando em oponente causando acidente:

+ Acréscimo de 4 pontos na “HVP”.

 

5.3.3 – Punição Alta (30 segundos de acréscimo por ocorrência)

5.3.3.1 – Provocar acidente na primeira curva ocasionando rodada ou saída da pista do oponente:

+ Acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.3.2 – Provocar acidente em que o outro piloto tenha rodado ou saído da pista:

+ Acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.3.3 – Escapar e voltar para pista de forma perigosa causando acidente de outro, com perda de posição ou avaria temporária:

+ Acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.3.4 – Não deixar espaço para o oponente em pista, em disputa, causando acidente com perda de posição ou causando avarias temporárias:

+ Acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.3.5 – Dividir curva espalhando em oponente causando acidente com perda de posições ou avarias temporárias:

+ Acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

 

5.3.4 – Punição Grave (Desqualificação da corrida ou perda do direito de fazer o “QUALY” na corrida seguinte)

5.3.4.1 – Provocar acidente na primeira curva ocasionando abandono do oponente:

DQ da corrida + acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.4.2 – Provocar acidente em que o outro piloto tenha abandonado a prova:

DQ da corrida + acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.4.3 – Andar no sentido oposto da pista:

DQ da corrida + Perda do direito de fazer o “QUALY” na corrida seguinte + acréscimo de 7 pontos na “HVP”

5.3.4.4 – Escapar e voltar para pista de forma perigosa causando acidente sem possibilidade de retorno do outro:

DQ da corrida + Perda do direito de fazer o “QUALY” na corrida seguinte + acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.4.5 – Não deixar espaço para oponente na pista, em disputa, causando acidente sem possibilidade de retorno do outro:

DQ da corrida + Perda do direito de fazer o “QUALY” na corrida seguinte + acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.4.6 – Dividir curva espalhando em oponente causando acidente sem possibilidade de retorno do mesmo:

Perda do direito de fazer o “QUALY” na corrida seguinte + acréscimo de 7 pontos na “HVP”.

5.3.4.7 – Utilizar de comunicação imprópria com adversário: Desacato, xingamentos, desrespeito ao outro piloto, sendo verbal ou escrita, isso inclui as redes sociais, briefing ou chat do jogo, será considerado atitude antidesportiva.

Suspensão de 1 (uma) etapa e ou exclusão da lida dependendo do ocorrido.

5.3.4.8 – Não acatar as ordens da direção de prova:

Suspensão de 1 (uma) etapa e ou exclusão da lida dependendo do ocorrido.

 

5.4 – Reclamações

5.4.1 – Cada piloto participante poderá enviar até as 20h00min do dia seguinte à corrida sua reclamação à organização através do e-mail: ftruck@avrace.com.br com o título “RECLAMAÇÃO”, sobre alguma ocorrência na corrida, se julgar que foi prejudicado ou testemunhar o ocorrido com outro piloto, “informando os envolvidos, número da volta da ocorrência, tipo de ocorrência e ainda se possível a gravação em vídeo da ocorrência em questão”.

 

Artigo 6º – Pontuação

 

6.1 – Todos os pilotos poderão pontuar desde que cruzem a linha de chegada ao término da corrida ou tenham completado no mínimo 75% da mesma, obedecendo à ordem final.

6.2 – A pontuação dos pilotos, equipes e ou marcas se dará por pontos corridos e terá como critério de resultado final 1 (uma) prova de descarte de pior resultado. Ou seja, apenas as pontuações de 9 (nove) etapas serão computadas aos pilotos, equipes/marcas.

6.3 – Em cada etapa, a pontuação máxima que 1 (um) dos pilotos pode atingir será 39 pontos, dada da seguinte maneira:

 

>>TABELA DE PONTUAÇÃO<<

Em cada etapa são atribuídos pontos aos pilotos da seguinte forma:

 

Ao final da 12ª volta (bandeira amarela programada / intervenção do Pace Truck)

1º Lugar 07 Pontos
2º Lugar 05 Pontos
3º Lugar 04 Pontos
4º Lugar 03 Pontos
5º Lugar 02 Pontos
6º Lugar 01 Ponto

 

Ao final da corrida (bandeira quadriculada)

1º Lugar 30 Pontos
2º Lugar 28 Pontos
3º Lugar 26 Pontos
4º Lugar 25 Pontos
5º Lugar 24 Pontos
6º Lugar 23 Pontos
7º Lugar 22 Pontos
8º Lugar 21 Pontos
9º Lugar 20 Pontos
10º Lugar 19 Pontos
11º Lugar 18 Pontos
12º Lugar 17 Pontos
13º Lugar 16 Pontos
14º Lugar 15 Pontos
15º Lugar 14 Pontos
16º Lugar 13 Pontos
17º Lugar 12 Pontos
18º Lugar 11 Pontos
19º Lugar 10 Pontos
>= 20º Lugar 09 Pontos

 

*O pole position (melhor tempo do treino classificatório) recebe 1 (um) ponto extra conforme item 3.3.14 do artigo 3º.

* O piloto que fizer a volta mais rápida na corrida recebe 1 (um) ponto extra conforme item 4.11 do artigo 4º

*O piloto que largar, mas não terminar a prova ganhará 6 (seis) pontos conforme item 4.9 do artigo 4º

* N.C: não completou / N.P: não participou

  • Inciso I: A pontuação Oficial Válida será aquela publicada após análise de toda a corrida e/ou das ocorrências e reclamações enviadas pelos pilotos.

 

6.4 – Algumas etapas do calendário terão pontuação dobrada ficando a cargo de a organização escolhê-las.

6.5 – O “pódio” será composto pelos 05 (cinco) primeiros colocados ao término da corrida.

6.6 – As equipes também pontuarão e ao final do campeonato, a que mais pontuou receberá o título de “Campeã de Equipes”.

6.7 – A pontuação das equipes será a soma dos pontos conquistados em cada etapa, pelos seus pilotos.

 

Artigo 7º – Calendário

 

7.1 – Estaremos realizando 10 etapas neste campeonato conforme tabela disponibilizada em: https://avrace.wordpress.com/campeonato-f-truck-c1-2015/calendario/

7.2 – Os dias e horários de realização de cada etapa poderão ser definidos e ajustados mediante acordo entre os participantes e a organização, porém, as corridas sempre serão realizadas nas “terças-feiras” a partir das 22h45min (horário de Brasília).

7.3 – Durante o decorrer do campeonato, fica facultativo a organização o acréscimo de outras etapas, mediante acordo com os participantes.

 

Artigo 8º – Das Generalidades

 

8.1 – Todos os pilotos deverão ficar atentos um ao outro.

8.2 – Colisão acontece, mas excesso de colisão poderá ocasionar em advertência, acréscimo de pontos na HVP, acréscimo de tempo por ocorrência, desclassificação da etapa e até suspensão de 1 (uma) corrida.

8.3 – Se um piloto colidir com outro piloto que rodou ou errou a sua frente, deverá considerar como “acidente de corrida”, ficando inteiramente responsável por tomar os devidos cuidados, para evitar uma possível colisão com o piloto que rodou ou errou, bem como os demais que podem estar vindo logo atrás.

8.4 – O piloto que não participar da seção de qualificação, largará automaticamente da última colocação ou dos boxes.

8.5 – Somente serão válidos os resultados das etapas oficiais acompanhadas pela equipe da AV RACE / LPVW BRASIL.

8.6 – Os resultados oficiais das corridas, classificação de pilotos e classificação de equipes serão postados entre 24 e 72 após o término da mesma nos seguintes links:

https://avrace.wordpress.com/campeonato-f-truck-c1-2015/ (página oficial da AV RACE) e ou

https://www.facebook.com/groups/1410871035791851/?fref=ts (grupo do facebook) e também em:

https://www.facebook.com/lpvwbrasil (página oficial da LPVW BRASIL).

 

8.7 – No decorrer do campeonato, a organização poderá realizar mudanças no regulamento conforme achar necessário, sem a necessidade de aprovação dos pilotos buscando a diversão de todos.

8.8 – A Organização de prova pode aplicar outros tipos de punições não descritos neste regulamento, visto que alguns casos não são previstos.

8.9 – Os demais casos serão analisados pela comissão.

“Não se ganha uma corrida na primeira curva, mas pode-se perdê-la lá.”
Juan Manuel Fangio, Piloto Argentino de Fórmula 1

 

Organização:

lpvw 2logo av race novoLOGO-FINAL-BEECUBE

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s